GIRO DE NOTICIAS

CIDADES

Featured Post (Slider)

POLITICA

Java

Test Footer 2

ENTRETENIMENTO

Movie Category 3


Movie Category 5


Publicidade


Sub menu section

Publicidade


Seguidores

ALAGOA GRANDE

POLITICA

GALERIA DE FOTOS

POLICIAL

ENTRETENIMENTO

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Felipe Massa deixa aposentadoria e assina com Williams para 2017 na F1



Dizem que onde tem fumaça tem fogo. E apesar de parecer louca a ideia de ver Felipe Massa em um carro de F1 poucas semanas depois de uma linda despedida no GP do Brasil, ela acaba de se concretizar. A Williams assinou, na manhã desta segunda-feira, com o brasileiro por mais uma temporada, para ser companheiro de Lance Stroll e ajudar no desenvolvimento dos carros de 2017, que sofrem uma mudança radical. Com isso, é natural que Valtteri Bottas seja anunciado pela Mercedes a qualquer momento, já que o outro candidato à vaga, Pascal Wehrlein, fechou com a Sauber também nesta segunda.
– Primeiramente, estou muito feliz de poder voltar para a Williams. Eu sempre pensei que correria em um lugar diferente em 2017, mas a Williams é um time que está no meu coração. Quando me deram a chance de ajudar o time nesta temporada, eu senti que era a coisa certa a fazer. Certamente, não perdi meu entusiasmo pelas corridas e estou muito motivado para guiar o FW40 (carro da temporada 2017). O apoio dos fãs nestas últimas semanas tem sido enorme, me deixando ainda mais motivado, e sou muito grato por isso. Também estou ansioso para trabalhar com o Lance. Conheço ele há um tempo e acompanhei o seu desenvolvimento ao longo desse tempo. Então estou ansioso para ver o que podemos conquistar juntos – afirmou Massa.
No retorno de Felipe, Claire Williams, chefe do time, exaltou tanto o brasileiro, quanto Bottas e a oportunidade do finlandês de pilotar na equipe atual Campeã do Mundo de F1.
– Felipe sempre tem sido um membro muito amado da família Williams. Ter a oportunidade de trabalhar com ele novamente é algo eu todos nós esperamos. Estou muito contente de o Felipe ter aceitado largar a aposentadoria para fazer parte da temporada 2017 conosco. Com o Valtteri tendo uma oportunidade única de pilotar para os atuais Campeão do Mundo, temos trabalhado duro para garantir que chegássemos a um acordo com a Mercedes para dar ao Valtteri essa fantástica oportunidade. Quando o Felipe se junta a nós novamente, nos dá estabilidade, experiência e talento para nos ajudar a evoluir. Ter ele é uma grande conquista para nós – afirmou Claire.
A importância de Massa para a Williams em 2017
Com as revoluções que os carros sofrerão na próxima temporada, a ida de Bottas para Mercedes sacudiu a Williams, que precisa de um piloto experiente para entender as mudanças e ajudar o garoto Lance Stroll em seu primeiro ano na Fórmula 1. A Williams chegou a cogitar Jenson Button, mas Felipe já está adaptado ao time que faz parte desde o início de 2014. Além da parte técnica, o lado comercial também favorece o retorno do brasileiro, já que o contrato da Martini (marca de bebidas e principal patrocinadora da equipe), impõe que um dos pilotos seja maior de 25 anos para divulgação da marca – lei em diversos países da Europa.
O furacão causado pela saída de Nico Rosberg
A surpreendente decisão de Nico Rosberg de se aposentar logo após conquistar seu primeiro título mundial, aos 31 anos, no auge da carreira colocou fogo no mercado de pilotos da Fórmula 1 para 2017. Simplesmente abriu-se uma vaga na atual melhor equipe do grid, a Mercedes. Fernando Alonso estava na lista do time alemão, confirmou o chefe do time, Toto Wolff, mas, sob contrato com a McLaren – e depois de ter dito que queria ser campeão com a equipe de Woking -, sua vinda foi tida como impossível. Agora com o anúncio de Massa na Williams, a ida de Valtteri Bottas para a Mercedes fica praticamente certa, já que Pascal Wehrlein, o outro candidato, foi confirmado pela Sauber na manhã desta segunda.
Globo Esporte

Guarabira: divulgação de fotos de jovens pegos com maconha em quadra de esportes gera polêmica


maconha

Uma postagem feita pelo subcomandante do 4º Batalhão de Polícia Militar, major Sinval Silva, em seu perfil na rede social Facebook, nesta segunda-feira (16), está causando polêmica entre os internautas que visualizaram e estão comentando o fato.
Trata-se de uma foto mostrando um cigarro de maconha, apreendido em poder de um jovem durante abordagem policial. A ação foi numa quadra de esportes, abandonada pelo poder público, mas que continua sendo utilizada por jovens, localizada por trás da Catedral de Nossa Senhora da Luz, no Centro de Guarabira.
Por causa das constantes reclamações de moradores do entorno, de que muitos vão se drogar no local, a polícia tem feito abordagens com certa frequência, muitos voltam.
Na legenda da foto, o major diz que mesmo sendo difícil descobrir o dono da droga, o usuário assumiu. Ele disse ainda que antes o local que era utilizado para a prática esportiva, hoje serve para usar drogas e encerra afirmando que vai encaminhar expediente à Prefeitura a fim de restaurar a quadra e buscar uma solução para o espaço público.
“Ficou difícil descobrir quem era o dono. Mas ele assumiu! Quadra Augusto de Almeida, local que jogamos futebol na juventude. Hoje, infelizmente sendo usado para usar drogas. Iremos fazer um documento endereçado à Prefeitura para encontrar uma forma de reformar o lugar”, postou.
Internautas opinaram e alguns entendem que o caso não deveria ser exposto da maneira que foi pelo oficial da PM e alguns afirmam que muitos frequentadores são de boa índole e consideram que houve exposição desnecessária, mesmo não aparecendo rosto de nenhum que estava presente.
Agora na condição de padre da paróquia de Pirpirituba, padre Adauto Tavares entrou na polêmica e disse que sempre falou sobre esse fluxo de jovens no local e que teria aumentado depois da criação do projeto “Café com Poeira”. Adauto foi padre da Catedral de Nossa Senhora da Luz por seis anos.
“Eu falei muitas vezes sobre essa situação quando estava na Catedral. E esse fluxo de jovens aumentou aí, ao redor da Catedral, após aquele evento “café com poeira”. É lamentável”, escreveu o religioso em comentário.
Mais adiante, Sinval comentou sobre o assunto e disse que participou pessoalmente de algumas abordagens, sendo três vezes com droga encontrada. “Em 6 meses foram 3 ocorrências de uso de drogas no local. Apenas comigo”, disse.
portal25horas

Rômulo visita obras e diz que águas da Transposição chegarão em abril ou maio. E se não chover até lá?


Romulo Gouveia

A julgar pelas recentes declarações do deputado Rômulo Gouveia, a Paraíba vai depender de São Pedro para enfrentar a estiagem prolongada, especialmente na região polarizada por Campina Grande, com dezenas de municípios. Segundo Rômulo, relator da Comissão da Transposição, as águas do São Francisco só deverão chegar à Paraíba em abril ou, mais provavelmente, maio.
O deputado visitou, nesse domingo (dia 15), obra do trecho que passa pela cidade de Monteiro e disse ter constatado um ritmo “acelerado nos trabalhos”. Os engenheiros informaram que o cronograma será cumprido, mas, a água só deverá chegar em quatro ou quatro ou cinco meses. E até lá, o que irá acontecer? Para se ter uma ideia, a Barragem de Boqueirão só deverá ter água até no máximo, março.
Não há, pelo menos até o momento, um plano B para manter um abastecimento mínimo às regiões mais atingidas. Se o sistema de Boqueirão entrar em colapso, mais de um milhão de pessoas ficarão sem qualquer abastecimento, até que as águas do São Francisco cheguem ao Estado.
Obras – Na reta final, as obras têm 5,6 mil trabalhadores contratados, para os dois eixos de transferência de água – Norte e Leste. São mais de 2,5 mil máquinas em operação ao longo dos 477 quilômetros de extensão do empreendimento. De acordo com dados de novembro, a execução física do empreendimento é de 94,3%, sendo 93,1% no Eixo Norte e 96% no Eixo Leste.
 
Copyright © 2014 BLOG DO RILDOSeguro Desenvolvido Por Netinho Soluções Web.